Home / Curiosidades / O que fazer se o proprietário abandonar o animal?

O que fazer se o proprietário abandonar o animal?

O que fazer se o proprietário abandonar o animal e não for buscá-lo no pet shop?

Essa é uma situação extremamente delicada e que pode acontecer. Infelizmente alguns proprietários de pets dão nomes e endereços falsos aos estabelecimentos e acabam não buscando mais os animais. Veja como proceder nesses casos.

O que fazer se o proprietário abandonar o animal?

abandonar o animal

Essa é uma situação que embora não seja comum, é possível de acontecer. Ressalvada a questão moral – que é lastimável e infeliz – há os prejuízos que são arcados pelos donos dos pets shops, como banho e tosa não pagos, alimentação e cuidados com o cão abandonado. Para isso, conversamos com a advogada Marina Bührer Sukevicz (OAB/PR 79.582), a respeito do tema, a qual tratou de medidas que podem ser tomadas para prevenir problemas na prestação de serviço.

É bom fazer um cadastro bem detalhado do dono do animal, solicitando, inclusive, RG, se necessário.

Faça também um contrato de prestação de serviços simples, onde deve constar exatamente o serviço que foi solicitado e o prazo máximo para retirada do animal. Isso também serve para outras situações, como alguma reclamação posterior.

Também é ideal que você tenha uma lista de check-up do animal. Lá  devem constar eventuais problemas encontrados antes do serviço. Exemplos: mostre eventual alergia, infecção, cortes, dentre outros. Não se esqueça também de fazer isso em frente ao dono do animal.

Se ele não quiser aguardar, peça para que assine algum documento simples. Exemplo disso, é um papel onde ele reconhece que lhe foi oportunizada a possibilidade de participar do check-up, mas que ele dispensou esse momento. Caso venha a ocorrer algum acidente durante o trabalho, sempre comunique o dono sobre o ocorrido.

Também procure medidas para amenizar o problema, como pagar uma consulta do veterinário, oferecer a prestação do serviço gratuitamente e ficar à disposição, por exemplo.

Isso evita medidas judiciais desnecessárias e mantém a confiança na hora na prestação do serviço.

Procure ajuda!

“Se o proprietário abandonar o animal, não deixe de comparecer à delegacia com todos os dados do dono, do contrato de prestação de serviço e realizar um boletim de ocorrência. Isso é uma prova a mais, caso você venha a ter algum outro prejuízo. 

Se não houver reclamação do dono dentro do prazo estipulado por você, cogite em colocar o animal em adoção responsável.

Se não se sentir seguro sobre isso, contate uma ONG’s, grupos de voluntários ou de protetores dos animais e informe o problema”.

Seja responsável!

No mais, seja responsável. Não se esqueça de que os animais são os maiores responsáveis por sua profissão. Trate-os com carinho e responsabilidade. E tenha paciência, pode ser que você demore para conseguir um novo lar para o animal, mas jamais cometa o mesmo erro do dono.

Leia também: Por que não se pode tosar o bigode dos cães?

Check Also

Quais raças de cães não podem ser tosadas?

Veja abaixo quais raças de cães não podem ser tosadas. Existem raças de cães que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *